quinta-feira, 24 de setembro de 2009

Dissonância Cognitiva


Miro 02.12.2008

Dissonância cognitiva
Ativa discordância
Entre o discurso novo
E a habitual atitude...
Por onde vaza
A intenção anterior
Ainda escondida!
Um confortável NÃO
Inconsciente!
Às vezes um SIM,
inconseqüente. (*)
Coerência... dividida!
(*) Colaboração daMaria

3 comentários:

damaria disse...

às vezes um SIM, inconseqüente.

miKroPOESIAS disse...

rimou... vou acrescentar ao poema... quem sabe uma criação coletiva, do tipo cada um escreve uma estrofe ou uma frase da crônica?

damaria disse...

faz assim, miro: dá dinheiro, mas não dá confiança! rs

o não é sempre confortável porque garante a zona de conforto da indecisão. o sim, positivo, muitas vezes nem é decisão, mas circunstância.

Você já leu lá no blog um poste de 18/08, com o título "elegia"?